Fazendeiro paga trabalhadores resgatados e firma TAC com o MPT-MA

Os oito trabalhadores resgatados da Fazenda Tamataí, em Santa Luzia (MA), receberam cerca de R$ 30 mil em verbas rescisórias, na última semana. Além do pagamento, o fazendeiro Sebastião Lourenço Rodrigues assinou um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) com o Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT-MA) a fim de garantir condições dignas de trabalho aos empregados.

Imprimir

Combate ao trabalho escravo: empregadores assinam TAC proposto pelo MPT

Após participar do resgate de 27 trabalhadores em situação análoga à escravidão nas cidades de Santo Antonio dos Lopes, Peritoró e Bacabal, o Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT-MA) entrou em acordo com os empregadores por meio da assinatura de Termo de Ajuste de Conduta (TAC).

Os três resgates (dois rurais e um urbano) foram feitos pelo do Grupo Móvel de Combate ao Trabalho Escravo, composto por representantes do MPT, da Superintendência do Trabalho e Emprego e da Polícia Federal. Na área rural, a atuação é repressiva; na área urbana, preventiva.

Imprimir

PTM de Caxias é transferida para Timon

A Procuradoria do Trabalho no Município de Caxias foi transferida oficialmente para o Município de Timon. A decisão do Conselho Superior do Ministério Público do Trabalho ocorreu na 218ª Sessão Extraordinária, ocorrida em 3 de agosto de 2023, conforme consta na Portaria PGT nº 1296/2023.

Imprimir